Rodada de Negócios encerra Hospitalar com perspectivas de US$ 13 milhões

Após três dias, encerrou-se hoje (19) mais uma Rodada Internacional de Negócios. A ação, que tem como objetivo promover as exportações da indústria brasileira da saúde por meio da aproximação entre empresas nacionais e estrangeiras interessadas em adquirir produtos, artigos e equipamentos brasileiros, trouxe para o Expo Center Norte 57 empresas, associadas ao Projeto Brazilian Health Devices, que receberam 10 compradores de países da América Latina, para mais de 300 reuniões. As expectativas de negócios efetuadas nos dias do evento, e para os próximos dozes meses, é de US$13 milhões.

“O objetivo dos projetos e fomentar as exportações das empresas que estão começando, e, em um ano de crise, conseguimos identificar oportunidades de negócios pontuais na Hospitalar”, explica a coordenadora de promoção comercial, Laísa França.  A América Latina foi a região eleita para essa ação por representar uma área propicia, de fácil acesso e língua semelhante.

A Quirurgil Colômbia é uma das empresas que está no Projeto Comprador da Hospitalar, organizado pela ABIMO em parceria com a Apex-Brasil. Alcides Verde, representante da empresa na Feira, comentou sobre os negócios com empresas brasileiras. “A minha companhia faz negócios com quatro empresas brasileiras e estamos procurando mais uma para agregar ao nosso ninho de produtos. Eu recomendo que as empresas da América Latina e de todo o mundo venham à Hospitalar para procurar equipamentos médicos de alta qualidade”, disse.

Victor Hugo Omaña, representante da Intermédicos México, comentou como a tecnologia tem sido um fator de decisão para estabelecer relações comerciais com o Brasil. “Somos uma empresa importadora de produtos de alta especialidade e estamos expandindo nosso mercado. Por esse motivo, nos interessou compartilhar mais experiências com os amigos brasileiros, já que vocês também têm uma tecnologia de primeira qualidade, muito superior ao México, e com um preço acessível aos países latino-americanos”, afirmou.

“A proposta desta ação é estreitar o relacionamento comercial entre os países e dar início a potenciais relações comerciais. A Indusbello Company participa desta rodada há cinco anos e neste ano tivemos a oportunidade de apresentar a Sanità, nossa nova marca, em nível internacional, mostrando o novo conceito e a nova linha de produtos médico-hospitalar.” Leonardo Beni, diretor da Indusbello.

 

Veja também