Indústria de equipamentos médicos mira prestação de serviços

Como alternativa para vencer as adversidades econômicas do país e a queda de investimentos na Saúde, as indústrias de máquinas e equipamentos médicos passam a ampliar as receitas com as prestações de serviço.

A medida, que propõe elevar a produtividade com baixos recursos, é vista como solução para as micro e pequenas empresas – maiores prejudicadas pela retração da economia.

A Philips HealthCare é uma das empresas que têm apostado na prestação de serviços com foco em gerenciamento. Em entrevista concedida ao jornal DCI, o vice-presidente de saúde para a América Latina da empresa, Daniel Mazon, comentou como a nova ferramenta de suporte clínico e um software que aumenta produtividade e agilidade de diagnósticos de radiologia podem ser diferenciais neste sentido. “Fizemos uma série de mudanças para prestar o melhor serviço para o cliente e reduzir custos operacionais”, afirmou.

Clique aqui e confira a íntegra da matéria:

 

Veja também