BNDES aprova linhas para capital de giro e compra de empresas

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou duas medidas para incentivar a atividade econômica e preservar empregos, o Programa de Revitalização de Ativos Produtivos e a ampliação e prorrogação do prazo de vigência do BNDES Progeren, que financia o capital de giro às empresas de todos os portes. No entanto, essas medidas ainda aguardam regulamentação para serem efetivamente aplicadas.

Essas ações são convergentes com as propostas da FIESP, que tem pleiteado o apoio às empresas, para que estas possam atravessar a maior crise econômica dos últimos anos. Como é sabido, uma boa parte do setor industrial enfrenta sérios problemas financeiros, que se agravaram com a restrição que ocorre para o acesso ao crédito no mercado financeiro.

Adicionalmente, a FIESP está pleiteando a liberação do compulsório não remunerado para que seja direcionado aos financiamentos que melhorem a situação econômica das empresas. É uma medida que pode ajudar o setor industrial a refinanciar parte de seus compromissos, e com isso, retomar a produção, criando empregos e renda em nosso país.

Clique aqui para acessar o resumo das duas medidas anunciadas 

Veja também