20ª edição do MedLab Middle East gera expectativa de crescimento em empresas brasileiras do setor de saúde parceiras da ABIMO e Apex-Brasil

No ano passado, foram efetivados mais de US$ 700 mil em exportações de produtos nacionais para o Oriente Médio

A MedLab Middle East se apresenta como principal encontro do setor de laboratório e diagnóstico do Oriente Médio e Norte da África. Em 2020, a feira contou com um público de aproximadamente 25 mil pessoas, de mais de 120 países. Além disso, as seis empresas brasileiras expositoras fecharam contratos no valor de US$ 22 mil, com possibilidade de US$ 3,5 milhões em acordos futuros. No ano passado, o Brasil efetuou mais de US$ 700 mil em exportações nesse segmento, representando um crescimento de 229,66%, em comparação a 2019.

Este ano, a MedLab será realizada de 21 a 24 de junho, no Dubai World Trade Centre. Empresas nacionais ligadas ao Brazilian Health Devices – projeto de exportação da Associação Brasileira da Indústria de Dispositivos Médicos (ABIMO) – participam desse evento em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Será a quinta participação brasileira, com presença de três companhias nacionais.

“Até 2016 a MedLab era produzida dentro da Arab Health. A partir de 2017, devido ao aumento da demanda do setor de laboratório nos Emirados Árabes, a feira passou a acontecer de forma independente, e acreditamos que já esteja consolidada e conhecida nos mercados da região”, diz Larissa Gomes, gerente de Projetos e Marketing Internacional da ABIMO.

Desde 23 de maio está acontecendo a MedLab online, que se estenderá até 22 de julho. Com o objetivo de preparar os visitantes e expositores para prospecção de potenciais compradores e fortalecimento de networking.

Para Rafael Ferreira de Azevedo, assessor científico internacional da Bioclin, o intuito é ganhar visibilidade científica; fazer parcerias; conquistar novos clientes; ter acesso direto aos fornecedores e tecnologias; assim como mostrar credibilidade no mercado.

“Queremos ampliar o volume de exportação em 30%, criar uma nova rede de relacionamento e nos mantermos atualizados frente às constantes mudanças do cenário mundial”.

Sobre a ABIMO
A Associação Brasileira da Indústria de Dispositivos Médicos (ABIMO) representa a indústria brasileira de produtos para a saúde que promove o crescimento sustentável no mercado nacional e internacional.
Fundada em 1962, a instituição conta com mais de 300 associados e surgiu a partir da ideia de 25 fabricantes de produtos médicos e odontológicos, com o objetivo de fortalecer, organizar e regulamentar o segmento. Nesses anos de trabalho, a ABIMO expandiu suas operações de suporte à cadeia produtiva através de conselhos e grupos de trabalho, os quais respondem por todos os aspectos técnicos, operacionais e associativos do setor.

Sobre o BRAZILIAN HEALTH DEVICES
O projeto setorial Brazilian Health Devices – executado pela ABIMO em parceria com a Apex-Brasil – tem como missão fomentar as exportações das indústrias de artigos e equipamentos da área da saúde. Brazilian Health Devices é a marca que reúne as indústrias exportadoras do setor e as representa internacionalmente.

Sobre a Apex-Brasil
A Apex-Brasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) tem a missão de desenvolver a competitividade das empresas brasileiras, promovendo a internacionalização dos seus negócios e a atração de investimentos estrangeiros diretos. A agência também coordena os esforços de atração de IED (investimentos estrangeiros diretos) para o país.

Serviço:
MedLab Middle East
21 a 24 de junho – presencial
23 de maio a 22 de julho – online
Local: Dubai, Emirados Árabes
Mais informações: https://www.medlabme.com/en/home.html

Veja também